20 de maio de 2013

O Leitor Pergunta; o Lucas Responde: Compras na Bolívia!

Como vocês devem saber o Lucas estuda Medicina na Bolívia. E, já há quatro anos mora em Santa Cruz de La Sierra. O convidamos a reaparecer e a colaborar com mais frequência – a verdade, é que ele até quer… mas, os estudos estão consumindo todo e qualquer tempinho que ele tem livre. Apesar de ele está um pouco sumido, ele sempre aparece e responde aos comentários que surgem. E, não é que… respondendo a um desses tantos comentários que recebemos – quase todos os dias –  por aqui, aproveitamos  para transformá-lo numa postagem. Quem sabe, essas dicas possam ajudar mais pessoas!

A Cidade, hoje não só atrai brasileiros que vão com o objetivo de estudar, mas, que têm interesse no Turismo de Compras. Eu ainda não a conheço, mas já fui à Ciudad Del Este no Paraguai, uma das maiores cidade shopping da America Latina – por isso, ‘manere aí, please!’ (risos).

Vamos ao comentário?

bolivia1

“Vamos lá, a ‘feira’ especializada em eletrônicos é ‘tchiriguano’, mas vou te adiantando que não há uma diferença grande entre os preços daqui e os do Brasil nesse tipo de mercadoria, o ‘Tchiriguano’ está aberto todos os dias, horário contínuo.

Roupas, há uma variedade maior: ‘Barrio Lindo’ que abre as quartas-feiras e aos sábados em horário continuo – até a noite. Você pode comprar ‘Por Mayor’  que é o que nós chamamos atacado, a partir de 6 peças o valor diminui por ‘ducenas’ que é ainda mais barato (12 peças). Tem também ‘Los Pozos’, que acredito ser o lugar onde somos melhor atendidos, entretanto você tem que procurar pelo ‘Mercado Los Pozos’. Ele é um galpão que tem 3 ou 4 andares, onde pode-se encontrar de tudo, entre os itens: brinquedos, utensílios para casa, costura, muitas roupas e muitos calçados. Ele está aberto todos os dias, horário contínuo. Ramada: Na ‘Ramada’ você também encontra produtos eletrônicos com um preço melhor que no ‘Tchiriguano’, além de móveis, roupas, e tudo que quiser. ‘Mutualista’: alimentação, roupa, calçado, livros etc. Tanto a ‘Mutualista’ quanto a ‘Ramada’ estão abertas todos os dias. ‘7 Calle’, se você quer torrar o dinheiro, lá é o lugar certo. Tem roupa, mas não são tão bonitas, mas, é bom pesquisar, lá tem bastante calçados, perfumaria, todos perfumes importados que você imaginar, joias, produtos esportivos etc…

No Centro, na Avenida 24 de Septembre tem muitos hotéis de todos os gostos e preços, fica perto do Banco do Brasil, e da maioria dessas feiras, atrás do Banco do Brasil tem uma perfumaria muito boa também. Quanto a violência, não chega aos pés de São Paulo, é só ficar esperto à noite, saber qual táxi pegar, onde parar…. violência existe em todo lugar, e eu me sinto mais seguro aqui que na minha cidade (Salvador)”.

Vem com a gente, e se pluge!

Fanpage: Se Pluga no Mundo

Twitter: Se Pluga no Mundo

Instragam: Sepluganomundo

Receba o nosso conteúdo no seu e-mail. (É só colocar seu endereço de e-mail, e verificar a imagem! Você receberá um e-mail de confirmação, clique no link, e pronto, você será informado quando publicarmos um novo post!)

Administrador e Editor Geral do conteúdo do Blog. Graduado em Letras com Inglês, formação técnica em Turismo e Hotelaria, com certificação internacional pela International Cultural Center (ICC); É apaixonado pelo aprendizado de línguas estrangeiras. Fala Inglês e Espanhol. Adora viajar de forma independente, mas, sem dispensar a companhia de sua companheira, e sua grande admiradora, a mãe!

Sem comentários até agora... Seja o primeiro a deixar uma resposta!