2 de novembro de 2009

Dicas Passagens Aéreas

Olá Leitores,

Neste final de ano as empresas aéreas, parecem que não farão nenhum tipo de promoção, isto por que estamos em alta estação. Eu, particularmente, compro minhas passagens na baixa estação para assim serem utilizadas na alta.

Para quem está planejando ir ao exterior, as nossas empresas aéreas, agora podem fazer promoções em até 80% (por enquanto, a tendência é 100%, daqui uns meses), em que as companhias não ficam mais presas a tabelas de preços. O que é evidente é que elas querem faturar com a alta na venda de passagens.

Na maioria das vezes, terminei pagando caro por não prestar atenção, no número de escalas de um vôo (nunca fiz mais de uma escala). O importante nisto tudo é que verifique o número de escalas de um vôo antes da confirmação da passagem. Quanto menor for à quantidade de escalas, mais rápido você chegará ao seu destino desejado, e pagará mais barato por isso.

Contudo, falemos acerca das empresas aéreas. A BRA passava por problemas financeiros, era visível em suas aeronaves que estavam mal conservadas, (pelo menos as duas, em que viajei estavam mal conservadas). A Oceanair, precisou diminuir sua malha operada, e que começou a subir o preço de suas passagens, perdendo assim, uma boa parte de seus clientes, o que interessa os clientes é custo/beneficio.

A Varig que passou por problemas financeiros, foi comprada pela Gol. Voltando a BRA, ela voltou a operar, porém, neste momento com vôo Charters. A Gol vem tentando se consolidar no país como uma empresa LOW COST, que é a primeira empresa no Brasil a vender comida a bordo. A Tam, empresa que possui passagens mais caras no mercado, estar no topo, possui um dos melhores serviços. A Webjet comprada pela empresa de CVC, possui passagens na média da GOL.

A Azul a recém-nascida veio com tudo, com aeronaves super modernas, com mais espaços entre os acertos, algo que eles fazem questão de destacar, e preços baixo, acessíveis em solo brasileiro. Contudo isso, divulgou-se a entrada de mais uma nova empresa, que tem grandes prenteções, a Clean air é a primeira empresa brasiliense, que começará a operar no país, acredito que daqui até dezembro, veremos a Clean air cruzando os céus brasileiro.

Administrador e Editor Geral do conteúdo do Blog. Graduado em Letras com Inglês, formação técnica em Turismo e Hotelaria, com certificação internacional pela International Cultural Center (ICC); É apaixonado pelo aprendizado de línguas estrangeiras. Fala Inglês e Espanhol. Adora viajar de forma independente, mas, sem dispensar a companhia de sua companheira, e sua grande admiradora, a mãe!

Sem comentários até agora... Seja o primeiro a deixar uma resposta!